PM detém 66 pessoas envolvidas em 'carnaval clandestino' na Grande BH

Um sítio na Estrada dos Gorduras, no município de Betim (MG), tinha aproximadamente cem pessoas paradas na porta, aguardando a sua vez para entrar na propriedade, quando os policiais chegaram cercando os acessos ao local. Os agentes entraram na festa e levaram 66 pessoas a uma delegacia da cidade

PM detém pessoas e drogas em festa clandestina nesta pandemia na Região Metropolitana de Belo Horizonte
PM detém pessoas e drogas em festa clandestina nesta pandemia na Região Metropolitana de Belo Horizonte (Foto: PMMG)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A Polícia Militar de Minas Gerais (PM-MG) deteve, na noite do sábado (13), 66 pessoas que estavam em um evento de carnaval clandestino no Bairro Bandeirinhas, em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Um ônibus de viagem da empresa de transportes Santa Edwiges.

De acordo com o jornal Estado de Minas, um sítio na Estrada dos Gorduras tinha aproximadamente cem pessoas paradas na porta, aguardando a sua vez para entrar na propriedade, quando os policiais chegaram cercando os acessos ao local.

As pessoas que estavam do lado de fora foram dispersadas e, no interior do sítio, foram encontradas outras 66 pessoas que usavam bebidas alcoólicas. 

Os agentes usaram um cão farejador Scott e encontraram oito tabletes de maconha, seis pinos de cocaína e sete comprimidos com suspeitas de serem ecstasy.

Na delegacia, os envolvidos foram levados para o juizado especial criminal.
O Conselho Tutelar de Betim foi acionado, porque havia menores de idade, em número ainda não detalhado pelas autoridades. O organizador e outras pessoas envolvidas ao longo da investigação poderão também responder por tráfico de drogas.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email