Polícia Civil pede prisão preventiva de homem que agrediu colega mulher em Registro

O acusado em liberdade ‘expõe a perigo’ a vida das mulheres envolvidas e a ordem pública, diz delegado

www.brasil247.com -
(Foto: Reprodução)


Carta Capital - A Polícia Civil informou que pediu a prisão preventiva do procurador Demétrius Oliveira de Macedo, de 34 anos, que agrediu uma colega de trabalho na cidade de Registro, no interior de São Paulo.

Em nota, a corporação declarou que o pedido de prisão é de autoria do delegado Daniel Vaz Rocha, do 1º Distrito Policial de Registro. De acordo com o despacho do delegado, o acusado em liberdade “expõe a perigo” a vida das mulheres envolvidas e a ordem pública.

A fundamentação do pedido conta com vídeos, fotos e depoimentos que registram a agressão.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Leia a íntegra na Carta Capital.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email