Polícia encontra R$ 70 mil na casa de PM foragido

Uma operação deflagrada pela Polícia Militar e pelo Ministério Público para prender cinco PMs suspeitos de receber propina de traficantes encontrou R$ 70 mil na casa do PM Rodrigo Meleipe Vermelho Reis, que segue foragido; segundo a PM, Meleipe está fora do País; a polícia já teria feito contato com o agente, que prometeu se entregar

Uma operação deflagrada pela Polícia Militar e pelo Ministério Público para prender cinco PMs suspeitos de receber propina de traficantes encontrou R$ 70 mil na casa do PM Rodrigo Meleipe Vermelho Reis, que segue foragido; segundo a PM, Meleipe está fora do País; a polícia já teria feito contato com o agente, que prometeu se entregar
Uma operação deflagrada pela Polícia Militar e pelo Ministério Público para prender cinco PMs suspeitos de receber propina de traficantes encontrou R$ 70 mil na casa do PM Rodrigo Meleipe Vermelho Reis, que segue foragido; segundo a PM, Meleipe está fora do País; a polícia já teria feito contato com o agente, que prometeu se entregar (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Rio 247 - Uma operação deflagrada pela Polícia Militar e pelo Ministério Público para prender cinco PMs suspeitos de receber propina de traficantes encontrou R$ 70 mil na casa do PM Rodrigo Meleipe Vermelho Reis, que segue foragido. Segundo a PM, Meleipe está fora do País. O RJTV informou que a polícia já fez contato com o agente, que falou que vai se entregar.

Segundo o comandante do Bope, tenente coronel Carlos Sarmento, disse que os participantes da operação ficaram satisfeitos com o resultado das buscas. "Não feliz, porque o Bope é um farol dentro da PM, e esses homens que foram presos estavam desonrando essa memória. E quem estiver cometendo esse tipo de crime será levado à justiça", disse.

Os valores recebidos pelos policiais variavam entre R$ 2 mil e R$ 10 mil por comunidade; 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email