Policiais morrem durante tiroteio em Jacarezinho

Dois policiais militares foram mortos durante operação na comunidade do Jacarezinho, na Zona Norte do Rio. Segundo a Coordenadoria de Polícia Pacificadora, os dois foram levados o Hospital Salgado Filho, no Méier, e morreram no local; o policiamento foi reforçado na área, com agentes do Bope e da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core); durante toda a semana, os moradores da comunidade pediram reforço na segurança, pelas redes sociais, alegando que a situação na comunidade era crítica

Dois policiais militares foram mortos durante operação na comunidade do Jacarezinho, na Zona Norte do Rio. Segundo a Coordenadoria de Polícia Pacificadora, os dois foram levados o Hospital Salgado Filho, no Méier, e morreram no local; o policiamento foi reforçado na área, com agentes do Bope e da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core); durante toda a semana, os moradores da comunidade pediram reforço na segurança, pelas redes sociais, alegando que a situação na comunidade era crítica
Dois policiais militares foram mortos durante operação na comunidade do Jacarezinho, na Zona Norte do Rio. Segundo a Coordenadoria de Polícia Pacificadora, os dois foram levados o Hospital Salgado Filho, no Méier, e morreram no local; o policiamento foi reforçado na área, com agentes do Bope e da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core); durante toda a semana, os moradores da comunidade pediram reforço na segurança, pelas redes sociais, alegando que a situação na comunidade era crítica (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Rio 247 - Dois policiais militares foram mortos na tarde deste domingo (6) durante operação na comunidade do Jacarezinho, na Zona Norte do Rio. Segundo a Coordenadoria de Polícia Pacificadora, os dois foram levados o Hospital Salgado Filho, no Méier, e morreram no local. O policiamento foi reforçado na área, com agentes do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core).

Durante toda a semana, os moradores da comunidade pediram reforço na segurança, pelas redes sociais, alegando que a situação na comunidade era crítica. Na última terça-feira (1), o soldado Rodrigo Ribeiro, de 34 anos, foi baleado enquanto patrulhava a região do Talibã, também na comunidade. Ele não resistiu aos ferimentos.

Um sargento do 20º BPM (Mesquita) também foi baleado, na manhã deste domingo (6), durante uma operação na Comunidade do Sebinho, em Mesquita. Ele foi socorrido para o Hospital Central da Polícia Militar (HCPM) e não corre risco de morte. 



O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247