Renan: Deltan vai representar o MP na assembleia de credores da Odebrecht

O senador Renan Calheiros (MDB-AL) ironizou procuradores da Lava Jato nesta segunda-feira, 17, ao comentar o pedido de recuperação judicial feito pela construtora Odebrecht, uma das principais empreiteiras atingidas pela operação; "Depois da recuperação judicial de mais de R$98 bilhões da #Odebrecht, todo mundo quer saber quem vai representar o Ministério Público na Assembleia de Credores. Será @deltanmd, Anselmo, Carlos Fernando ou @Rodrigo_Janot?", questionou Renan

Renan: Deltan vai representar o MP na assembleia de credores da Odebrecht
Renan: Deltan vai representar o MP na assembleia de credores da Odebrecht

247 - O senador Renan Calheiros (MDB-AL) ironizou procuradores da Lava Jato nesta segunda-feira, 17, ao comentar o pedido de recuperação judicial feito pela construtora Odebrecht, uma das principais empreiteiras atingidas pela operação. 

"Depois da recuperação judicial de mais de R$98 bilhões da #Odebrecht, todo mundo quer saber quem vai representar o Ministério Público na Assembleia de Credores. Será @deltanmd, Anselmo, Carlos Fernando ou @Rodrigo_Janot?", questionou Renan pelo Twitter.

O pedido, apresentado à Justiça de São Paulo, ocorreu quase três semanas após a Atvos, braço de agronegócio, ter sido a primeira a unidade do grupo a pedir recuperação judicial. O pedido apresentado à Justiça nesta segunda-feira exclui, além da própria Atvos, a Braskem, a empreiteira OEC, a Ocyan, a incorporadora OR, a Odebrecht Transport e o estaleiro Enseada.

Em comunicado, a companhia informou que o processo envolve 51 bilhões de reais de dívidas concursais, ou seja, passíveis de reestruturação. Outros 14,5 bilhões de reais são compostos sobretudo por dívidas lastreadas em ações da Braskem e não passíveis de reestruturação. O montante também exclui dívidas cruzadas entre as unidades do grupo, de cerca de 30 bilhões. O processo envolve as controladoras da Odebrecht, Kiepe e Odbinv.

No documento apresentado à Justiça, ao qual a Reuters teve acesso, a Odebrecht afirma que a soma de todos esses valores chega 98,5 bilhões de reais.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247