Rio terá mudanças no trânsito por conta das Olimpíadas

Os cariocas vo sentir a mudana a partir de julho de 2012; segundo secretrio municipal de Transportes, Alexandre Sanso, a prefeitura deve montar um esquema especial para ligao entra a Barra da Tijuca e a Zona Sul



Embora as Olimpíadas só comecem em agosto 2016, os cariocas vão sofrer mudanças no trânsito a partir de julho do ano que vem para receber as delegações, público e imprensa que virão acompanhar os jogos. Segundo a diretora de Transportes do Comitê Organizador Rio 2016, Regina Amélia Oliveira, as delegações usarão os corredores de BRTs, que serão implantados em ônibus exclusivos, que vão circular ao mesmo tempo que BRTs destinados a população.

Quatro BRts foram planejados e dois já estão em construção. O BRT Transoeste (Barra-Campo Grande/Santa Cruz) e o Transcarioca (Barra da Tijuca /Aeroporto Internacional Tom Jobim). O Transolímpico (Barra da Tijuca - Deodoro) e o Transbrasil (Centro - Avenida Brasil) ainda serão licitados. No 60 dias de evento, serão implantados mais de 6 mil veículos em circulação. Virão à cidade, 11 mil atletas, 21 mil jornalistas, 90 mil voluntários, além de 200 mil credenciados, segundo Regina Amélia.

Mesmo após o término das Olimpíadas o esquema terá que ser mantido para receber as delegações Paraolímpicas também duas semanas antes da abertura dos Jogos Paraolímpicos (7 de setembro). O plano geral de transportes só deve ficar pronto em meados do ano que vem, segundo o secretário municipal de Transportes, Alexandre Sansão. Ele explica também, que além da Linha Amarela, a prefeitura deve montar um esquema especial para a ligação viária entre a Barra da Tijuca e a Zona Sul. O Elevado do Joá será alargado para permitir a criação de uma faixa exclusiva para delegações.

 

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email