Saúde confirma surto de Hepatite A na Costa Verde

A doena foi detectada em trs bairros de de Mangaratiba (Ranchito, Nova Mangaratiba e Praia do Saco), litoral sul fluminense; tcnicos fiscalizam municpios para controlar vetores

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Agência Brasil - Um surto de hepatite A em três bairros de de Mangaratiba (Ranchito, Nova Mangaratiba e Praia do Saco), na Costa Verde, litoral sul fluminense, foi confirmado hoje (9) pela Secretaria de Saúde. Técnicos da Subsecretaria de Vigilância em Saúde já estão na região promovendo ações de fiscalização e controle dos reservatórios de água e fontes alternativas (bicas, poços artesianos e carros-pipa) nas três localidades.

A prefeitura de Mangaratiba informou que está disponibilizando 15 mil litros de água mineral para as pessoas infectadas pela doença, além de distribuir pastilhas de cloro para serem aplicadas na água das escolas municipais e para a população aplicar nas caixas d’água.

De acordo com o superintendente de Vigilância Epidemiológica e Ambiental, Alexandre Chieppe, não há indicação para a vacinação contra a hepatite A em Mangaratiba, conforme prevê o Programa Nacional de Imunização e Nota Técnica emitida pelo Ministério da Saúde.

“Até existe uma vacina específica contra o vírus causador da hepatite A. Mas esta vacina só é recomendada em situações específicas como de pessoas com outras doenças crônicas no fígado ou que fizeram transplante de medula óssea”, disse.

Segundo Chieppe, as ações recomendadas pela Secretaria de Saúde já estão sendo desenvolvidas, incluindo a identificação das possíveis fontes de contaminação e a adoção de medidas que visam a evitar a utilização dessas fontes pela população.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247