“Se o STF reverter a suspeição de Moro, será a esculhambação total”, diz Boulos

Durante participação no Boa Noite 247 desta terça-feira (13), Guilherme Boulos (PSOL) disse esperar que o STF matenha a anulação das condenações de Lula e a parcialidade do ex-juiz Sérgio Moro no julgamento desta quarta-feira (14)

www.brasil247.com -
(Foto: Reprodução/TV 247)


247 - O coordenador do MTST, Guilherme Boulos, afirmou na noite desta terça-feira (13) esperar que o Supremo Tribunal Federal (STF) mantenha as decisões que anularam as condenações do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e declararam a parcialidade do ex-juiz Sérgio Moro. 

"Acho que seria uma esculhambação tão grande, uma desmoralização do Supremo, se reverte a suspeição do Moro e a recuperação dos direitos políticos do Lula. Nós estamos com um Judiciário que chancelou muita coisa nos últimos anos, então nada é impossível. Mas é muito improvável que isso vá acontecer", afirmou Boulos durante participação no Boa Noite 247. 

Nesta terça-feira, Boulos anunciou sua pré-candidatura a governador de São Paulo pelo PSOL, defendendo a criação de frente em torno da candidatura presidencial de Lula. “Precisamos derrotar Bolsonaro no Brasil e Bolsodoria em São Paulo”, disse Boulos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Uma reportagem ampla sobre a entrevista será publicada no fim de semana. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Inscreva-se na TV 247, seja membro, e assista à entrevista Guilherme Boulos na íntegra: 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email