Suspeito de homicídios na Baixada não é doente mental, diz laudo

Foi encaminhado à 4ª Vara Criminal de Nova Iguaçu o laudo que atesta que Saílson José da Graças, suspeito de uma série de assassinatos na Baixada Fluminense, não é doente mental; o suposto serial killer, que chegou a confessar 43 homicídios num período de nove anos, também teve a prisão preventiva mantida pelo mutirão judiciário realizado este mês.

Foi encaminhado à 4ª Vara Criminal de Nova Iguaçu o laudo que atesta que Saílson José da Graças, suspeito de uma série de assassinatos na Baixada Fluminense, não é doente mental; o suposto serial killer, que chegou a confessar 43 homicídios num período de nove anos, também teve a prisão preventiva mantida pelo mutirão judiciário realizado este mês.
Foi encaminhado à 4ª Vara Criminal de Nova Iguaçu o laudo que atesta que Saílson José da Graças, suspeito de uma série de assassinatos na Baixada Fluminense, não é doente mental; o suposto serial killer, que chegou a confessar 43 homicídios num período de nove anos, também teve a prisão preventiva mantida pelo mutirão judiciário realizado este mês. (Foto: Leonardo Lucena)

Rio 247 - Foi encaminhado à 4ª Vara Criminal de Nova Iguaçu o laudo que atesta que Saílson José da Graças, suspeito de uma série de assassinatos na Baixada Fluminense, não é doente mental. O suposto serial killer, que chegou a confessar 43 homicídios num período de nove anos, também teve a prisão preventiva mantida pelo mutirão judiciário realizado este mês.

Ele está preso pelo assassinato da vizinha Maria de Fátima Miranda, ocorrido dezembro de 2014. Saílson teria matado Fátima, que era amiga de sua companheira Cleusa Balbina de Paula, por causa de uma desavença entre as duas. Cleusa, que também foi presa, está em liberdade condicional desde março de 2015.

De acordo com o Ministério Público, "a conclusão do laudo pericial deixa claro que Saílson tinha plena consciência do que estava fazendo ao assassinar suas vítimas". O mesmo laudo pericial vale para todos os outros crimes cometidos pelo suspeito.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247