Venezuela aprova joint venture entre PDVSA e Odebrecht

Companhia brasileira pagar US$ 50 milhes estatal por 40% da nova empresa

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

O governo da Venezuela aprovou a criação da joint venture entre a estatal PDVSA e a brasileira Odebrecht. A informação foi divulgada hoje no Diário Oficial da União (DOU). A parceria terá como foco a pesquisa e a produção de petróleo no Estado de Zulia.

A jointe venture será formada com uma participação de 60% da PDVSA e 40% da Odebrecht E&P Espana. O acordo terá duração de 25 anos, pelo qual a companhia brasileira pagará US$ 50 milhões à PDVSA. A aprovação pela Assembleia Nacional da Venezuela dá sinal verde para as empresas explorarem e produzirem petróleo bruto e gás natural em Zulia.

A Venezuela tem procurado parceiros estrangeiros para desenvolver suas reservas de petróleo, como uma forma de elevar a produção para 4 milhões de barris por dia em 2014. Hoje, a produção é de 3 milhões de barris por dia.

 

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247