Vereadora de Curitiba é condenada a 5 anos de prisão por esquema de “rachadinha”

A vereadora Katia Dittrich (SD) foi condenada pela 11ª Vara Criminal de Curitiba pela prática do esquema de "rachadinha" e seu marido a cinco anos

Vereadora Katia Dittrich
Vereadora Katia Dittrich (Foto: Divulgação CMC)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O juiz José Daniel Toaldo decretou uma pena de cinco anos e seis meses de prisão em regime inicialmente fechado para a vereadora Katia Dittrich (SD). Ela também perdeu o mandato da parlamentar.

Conforme a denúncia do MPPR (Ministério Público do Paraná), a vereadora Katia Dittrich, conhecida como Katia dos Animais, exigiu parte dos salários de dois assessores lotados no gabinete dela na Câmara Municipal de Curitiba. Os crimes aconteceram no início do mandato da parlamentar, em 2017.

O marido de Katia Dittrich, Marcos Pinheiro Whiters, também foi condenado pela 11ª Vara Federal de Curitiba. O juiz José Daniel Toaldo aplicou uma pena de 5 anos de prisão. O homem teria auxiliado no esquema de “rachadinha” no gabinete da vereadora. Além disso, ambos terão de pagar multas: R$ 21 mil para ela e R$ 18 mil para ele.

O casal foi implicado pelo crime de concussão, que é a exigência de vantagens indevidas, de forma direta ou direta, praticada por um servidor público. Katia Dittrich e Marcos Pinheiro Whiters ainda podem recorrer da decisão.

As informações são do Paraná Portal 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247