Vítima de homofobia, jovem é espancado ao sair de balada no ABC

“Implicaram com o jeito de ele dançar, por ser homossexual”, disse Jennifer Ferreira, prima do jovem Roger Passebom Júnior, de 22 anos, agredido no último ao sair da balada Fantastic Lounge Club, em São Bernardo do Campo (SP)

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O jovem Roger Passebom Júnior, de 22 anos, foi agredido no último domingo (22) por seis homens ao sair da balada Fantastic Lounge Club, em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista. De acordo com amigos e familiares, Roger foi vítima de homofobia. “Implicaram com o jeito de ele dançar, por ser homossexual”, disse Jennifer Ferreira, prima de Roger. 

O tio dele, Silvio Brio, falou que os agressores gritavam ofensas homofóbicas enquanto batiam no sobrinho. “É isso que eles falavam: ‘homossexual tem que morrer’”, contou Brito. Em nota, a casa noturna afirmou que está à disposição da polícia para ajudar nas investigações.

Leia a íntegra na Revista Forum 


O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email