CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Sudeste

Waters: "Vocês foram uma platéia magnífica"

Lder da banda Pink Floid agradeceu cidade no final do show "The Wall", da turn que comemora os 30 anos do lbum de mesmo nome; mais de 40 mil pessoas assistiram; homenageou Jean Charles, morto por policiais ingleses em 2005; cantou com alunos da escola de msica da Rocinha; marca poca novamente

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247_ O ex-baixista do Pink Floid, Roger Waters, levou mais de 40 mil pessoas ao estádio do Engenhão, no subúrbio carioca. Show da turnê The Wall, que percorre o mundo, teve conteúdo social também na apresentação do Rio, na noite desta quinta-feira (29). Ele homenageou o brasileiro Jean Charles, morto pela polícia de Londres, em 2005, quando foi confundido com um terrorista; cantou também com crianças da comunidade da Rocinha, que fizeram coral com o artista na musica "Another brick in the wall, pt. 2"; formadas pela Escola de Música da Rocinha, os meninos e meninas vistiram camisetas com a mensagem “o medo ergue muros”, em inglês.

Um show de tecnologia, somado à voz inconfundível do mito mundial, deixou mais iluminada a mistura de gerações que extrapolou as arquibancadas do estádio. Pais com mais de 40 anos levaram seus filhos, hoje com 20 anos ou menos, para ver o espetáculo.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Um muro com tijolos brancos construiu a apresentação das 26 músicas, quase todas compostos por Water; a construção recebeu imagens de Jean Charles e outras com conteúdo social. O espetáculo foi dividido em dois momentos, separados por um intervalo de 20 minutos. 'The wall' não é sobre mim, mas sobre Jean e todos nós", disse o músico em bom português. Declarou ainda que "Muro da desinformação é a força mais negativa".

O show foi aberto por sons de explosão e rajadas de metralhadoras; fogos de artifício e bonecos infláveis deram sustentação a uma espécie de home theater que ecoava a mensagem do espetáculo.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

A segunda parte reuniu músicas com conteúdo emocional e foi mais teatral. Levou o público às lagrimas nas canções "Hey you", quando o muro já estava totalmente erguido, e em "Vera", ilustrada por comoventes imagens de reencontros.

O encerramento teve "Outside the wall", executada com ukulele, banjo, acordeão, violão e trompete. "Obrigado, Rio. Vocês foram uma plateia magnífica", despediu-se Waters, que se apresenta no Estádio do Morumbi, em São Paulo, nos dias 1º e 3 de abril. 

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O show já aconteceu em Santiago, no Chile, e em Porto Alegre, no último domingo (25); em todos eles Jean Charles foi homenageado.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247,apoie por Pix,inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO