Witzel pode ser afastado já no fim de julho

Como os parlamentares da Assembleia Legislativa o Rio não terão recesso em julho, a eventual saída do governador Wilson Witzel ocorreria já no fim deste mês, caso os deputados votem pelo impeachment

Wilson Witzel
Wilson Witzel (Foto: Fernando Frazão - ABR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado estadual no Rio de Janeiro Rodrigo Bacellar (Solidariedade), relator do processo de impeachment do Wilson Witzel (PSC), pretende começar a contar o prazo de sessões para votar o impedimento do governador a partir da próxima semana. A informação é da coluna de Guilherme Amado

Como os parlamentares da Assembleia Legislativa (Alerj) não terão recesso em julho, a eventual saída de Witzel ocorreria já no fim deste mês, caso os deputados votem pelo impeachment.

O governador está sendo investigado por suposto crime de responsabilidade em fraudes de contratos emergenciais na pandemia do coronavírus. 

Atualmente, o Rio é o segundo estado brasileiro com os maiores números de confirmações (112.611) e mortes (10.080) provocadas pela doença. 

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247