Candidato dono da piscina com suástica é expulso de partido

Wander, dono da "piscina nazista", disputava o cargo de vereador no município de Pomerode, na região do Vale do Itajaí em Santa Catarina

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Após a repercussão negativa de que o candidato em Pomerode (SC), Wandercy Antônio Pugliesi, conhecido como "Professor Wander", é dono da “piscina nazista”, o Partido Liberal (PL) anunciou a expulsão dele da legenda.

Wander disputava o cargo de vereador no município de Pomerode, na região do Vale do Itajaí em Santa Catarina. 

“Por não compactuar ideologicamente com o filiado, o PL encaminhou o desligamento do mesmo. O partido reforça sua firme posição contra todo tipo de apologia à discriminação racial, religiosa e social”, diz um trecho da nota.

A apologia ao nazismo por parte de Wander foi revelada em 2014 quando um policial civil, de cima de um helicóptero, flagrou uma piscina com azulejos escuros que formavam a suástica.

Além da piscina, Wandercy mostrou em uma reportagem do Fantástico, da TV Globo, sua coleção com albúns, fotos e emblemas do Terceiro Reich Alemão e até deu nome a seu filho de Adolf.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247