Copel investe R$ 55 mi na rede elétrica do litoral

A Copel, empresa do Governo do Estado, objetiva ampliar e modernizar a rede elétrica dos sete municípios litorâneos; interligação elétrica das ilhas, ampliação de subestações e instalação de novas linhas de transmissão vão reforçar o fornecimento de energia e permanecer como benefícios para a população; a Companhia também vai oferecer internet wi-fi grátis nas praias e reforçar as equipes de atendimento até o Carnaval

A Copel, empresa do Governo do Estado, objetiva ampliar e modernizar a rede elétrica dos sete municípios litorâneos; interligação elétrica das ilhas, ampliação de subestações e instalação de novas linhas de transmissão vão reforçar o fornecimento de energia e permanecer como benefícios para a população; a Companhia também vai oferecer internet wi-fi grátis nas praias e reforçar as equipes de atendimento até o Carnaval
A Copel, empresa do Governo do Estado, objetiva ampliar e modernizar a rede elétrica dos sete municípios litorâneos; interligação elétrica das ilhas, ampliação de subestações e instalação de novas linhas de transmissão vão reforçar o fornecimento de energia e permanecer como benefícios para a população; a Companhia também vai oferecer internet wi-fi grátis nas praias e reforçar as equipes de atendimento até o Carnaval (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Agência de Notícias do Paraná - Para garantir energia com qualidade no Litoral durante a temporada de verão, a Copel, empresa do Governo do Estado, investe mais R$ 55 milhões para ampliar e modernizar a rede elétrica dos sete municípios litorâneos. Interligação elétrica das ilhas, ampliação de subestações e instalação de novas linhas de transmissão vão reforçar o fornecimento de energia e permanecer como benefícios para a população. A Companhia também vai oferecer internet wi-fi grátis nas praias e reforçar as equipes de atendimento até o Carnaval.

O principal investimento, de R$ 26 milhões, foi na instalação de 22 quilômetros de cabos de energia subaquáticos na região de Guaraqueçaba. As ilhas foram interligadas ao continente, o que melhorou consideravelmente a qualidade do fornecimento de energia à Ilha do Mel. Agora as principais ilhas do litoral paranaense possuem duas fontes de energia, o que reduz o risco de apagões.

Na porção continental, cerca de R$ 14 milhões estão sendo investidos para modernizar a subestação de Morretes, conectando-a à Usina Parigot de Souza e ao sistema elétrico de Paranaguá, Pontal do Paraná, Matinhos e Guaratuba. As interligações permitem constituir uma espécie de anel elétrico no sistema que atende todo o litoral, possibilitando que o fornecimento ocorra sempre por duas fontes. Com essa melhoria é menor risco de falta de luz e, em caso de desligamento, garante retorno mais rápido da energia.

SOLAR - Para levar energia gratuita e sustentável a 370 famílias que vivem em locais isolados e ambientalmente protegidos do litoral, a Companhia também investiu R$ 7 milhões na implantação de centrais de geração solar, que evitam a construção de rede elétrica. Foram beneficiadas 16 comunidades dos municípios de Antonina, Paranaguá, Pontal do Paraná, Guaratuba e Guaraqueçaba.

Outras obras foram realizadas para automatizar a rede elétrica, permitindo o controle remoto do fornecimento a partir do Centro de Operações da Distribuição, em Curitiba. Além disso, durante a temporada, três subestações móveis serão instaladas no litoral para garantir fornecimento de energia caso haja problema em alguma subestação fixa.

WI-FI – Pelo terceiro ano consecutivo, a Copel oferece internet sem fio gratuita no litoral e na Costa Oeste. Serão 53 pontos de cobertura, 48 nas orlas de Guaratuba, Matinhos, Caiobá, Praia de Leste, Ipanema, Shangrilá, Riviera, Pontal do Sul e Ilha do Mel, e quatro nas praias de Itaipulândia e Santa Helena, no Oeste. Os equipamentos instalados permitem conexão em raio de cerca de 200 metros, desde que não haja obstáculos, como prédios. Conheça os locais do wi-fi gratuito no litoral pelo Google Maps, no endereço http://migre.me/h00eM .

ATENDIMENTO – As obras de ampliação e reforço incluem ações preventivas, adotadas desde março, antecipando o aumento no consumo nas áreas de veraneio a partir de dezembro. As equipes de atendimento a emergências e de manutenção serão reforçadas durante a temporada.

Para o atendimento à população e aos turistas, a Copel conta com canais diversificados. Para comunicar a falta de energia elétrica no domicílio, basta enviar para o número 28593 mensagem de texto com as letras SL (de "sem luz") seguida do número da conta de luz da casa de praia (incluindo algarismos e dígito de verificação, sem pontos nem hífen). Por exemplo: "SL 12345678". O envio é gratuito e a Copel responde ao consumidor rapidamente.

Os consumidores também podem entrar em contato pelo telefone 0800-5100-116, e pela Agência Virtual na internet: basta acessar www.copel.com e fornecer o número da unidade consumidora, que vem na conta de luz. Depois de cadastrar uma senha, o consumidor terá acesso à maior parte dos serviços e facilidades disponíveis nas agências, tais como pedidos de segunda via da fatura, ligação, religação e atualização de dados cadastrais.

ENDEREÇOS – A Copel mantém agências de atendimento em Guaratuba (Rua 11 de Outubro, 30), Matinhos (Rua José Arthur Zanlutti, 298) e Pontal do Paraná (Rua Manoel Marques s/no, Praia de Leste), e postos de atendimento em Paranaguá, Antonina e Morretes, além de plantões de atendimento na Ilha do Mel e em Guaraqueçaba. As agências estarão abertas durante os dias úteis das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30. Já nos sábados dos dias 14, 21 e 28 de dezembro e às vésperas de Natal e Ano Novo (dias 24 e 31) o atendimento nas praias ocorre das 9 às 13h.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247