Corpo de Beto Freitas, espancado até a morte no Carrefour, é enterrado neste sábado

A polícia investiga o caso. Os dois seguranças do Carrefour foram presos em flagrante

João Alberto Silveira Freitas, de 40 anos, foi espancado e morto por dois homens brancos em Porto Alegre.
João Alberto Silveira Freitas, de 40 anos, foi espancado e morto por dois homens brancos em Porto Alegre. (Foto: Reprodução/Redes sociais)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Eduardo Amaral, Metrópoles - Começou a ser velado por volta das 8h30 deste sábado (21/11) o corpo de João Alberto Silveira Freitas, o João Beto. Homem negro, assassinado por dois seguranças de uma unidade do supermercado Carrefour na zona norte de Porto Alegre, na noite dessa quinta-feira (19/11), Beto é velado no cemitério São João.

Na cerimônia, foi lido lido um trecho bíblico. A mulher dele, Milena Borges Alves, ficou ao lado do caixão. Familiares da vítima evitaram conversar com a imprensa.

Leia mais no Metrópoles

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email