Em Curitiba, vereador do PSDB pede para ser investigado

O vereador curitibano Thiago Ferro (PSDB) foi à tribuna da Câmara Municipal pedir para ser investigado pelos seus colegas de parlamento; Ferro é acusado de ficar com parte dos salários de três ex-funcionários de seu gabinete; o pedido do vereador, para que seja investigado, faz parte da estratégia dos advogados que o representam 

O vereador curitibano Thiago Ferro (PSDB) foi à tribuna da Câmara Municipal pedir para ser investigado pelos seus colegas de parlamento; Ferro é acusado de ficar com parte dos salários de três ex-funcionários de seu gabinete; o pedido do vereador, para que seja investigado, faz parte da estratégia dos advogados que o representam 
O vereador curitibano Thiago Ferro (PSDB) foi à tribuna da Câmara Municipal pedir para ser investigado pelos seus colegas de parlamento; Ferro é acusado de ficar com parte dos salários de três ex-funcionários de seu gabinete; o pedido do vereador, para que seja investigado, faz parte da estratégia dos advogados que o representam  (Foto: Leonardo Lucena)

Blog do Esmael - O vereador curitibano Thiago Ferro (PSDB) foi à tribuna da Câmara Municipal, nesta quarta-feira (23), pedir para ser investigado pelos seus colegas de parlamento.

Ferro é acusado de passar a mão em parte dos salários de três ex-funcionários de seu gabinete. O tucano jura que as denúncias são caluniosas.

O pedido do vereador, para que seja investigado, faz parte da estratégia dos advogados que o representam Claudio Dalledone Junior e Daniel Godoy Junior.

Nesta terça-feira (23), a Câmara Municipal de Curitiba instaurou uma comissão processante para investigar a vereadora Katia Dittrich (SD), a Kátia dos Animais de Rua, também acusada de quebra do decoro, por ficar com parte dos salários de seis ex-funcionários do gabinete.

Os ‘Juniores’, isto é, Dalledone e Godoy, têm se especializado em casos de políticos desesperados e enrolados no mundo do crime.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247