Gleisi: Criminoso confesso terá regalias. Assim é a Lava Jato

A presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), criticou o fato de o delator Alberto Youssef ter tido ‘cláusula de sucesso’ na Lava Jato, conforme apontou um texto publicado pelo Blog do Esmael; quem descobriu foi advogado Cristiano Zanin Martins, da defesa de Lula, no interrogatório do doleiro; "Dá pra acreditar?! A quem interessam as delações desse sujeito? Criminoso confesso terá regalias. Assim é a Lava Jato!", disse ela no Twitter; pela cláusula de performance, Youssef tinha direito a 1/50 avos do patrimônio recuperado pela força-tarefa no Brasil e no exterior

A presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), criticou o fato de o delator Alberto Youssef ter tido ‘cláusula de sucesso’ na Lava Jato, conforme apontou um texto publicado pelo Blog do Esmael; quem descobriu foi advogado Cristiano Zanin Martins, da defesa de Lula, no interrogatório do doleiro; "Dá pra acreditar?! A quem interessam as delações desse sujeito? Criminoso confesso terá regalias. Assim é a Lava Jato!", disse ela no Twitter; pela cláusula de performance, Youssef tinha direito a 1/50 avos do patrimônio recuperado pela força-tarefa no Brasil e no exterior
A presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), criticou o fato de o delator Alberto Youssef ter tido ‘cláusula de sucesso’ na Lava Jato, conforme apontou um texto publicado pelo Blog do Esmael; quem descobriu foi advogado Cristiano Zanin Martins, da defesa de Lula, no interrogatório do doleiro; "Dá pra acreditar?! A quem interessam as delações desse sujeito? Criminoso confesso terá regalias. Assim é a Lava Jato!", disse ela no Twitter; pela cláusula de performance, Youssef tinha direito a 1/50 avos do patrimônio recuperado pela força-tarefa no Brasil e no exterior (Foto: Leonardo Lucena)

247, com Blog do Esmael - A presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), criticou o fato de o delator Alberto Youssef ter tido ‘cláusula de sucesso’ na lava jato, conforme apontou um texto publicado pelo Blog do Esmael. Quem descobriu foi advogado Cristiano Zanin Martins, da defesa de Lula, durante interrogatório do doleiro. 

"Dá pra acreditar?! A quem interessam as delações desse sujeito?  Criminoso confesso terá regalias. Assim é a Lava Jato!", escreveu a parlamentar em sua conta no Twitter.

Pela cláusula de performance, Yossuef tinha direito a 1/50 avos do patrimônio recuperado pela força-tarefa no Brasil e no exterior. Por exemplo, se a lava jato recuperasse R$ 2 bilhões, Yossef teria direito a R$ 40 milhões.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247