Juíza que gritou com testemunha é suspensa pelo TRT, que abre apuração

Em vídeo que viralizou nas redes, ela grita e humilha uma testemunha durante audiência ocorrida em Xanxerê no dia 13 de novembro deste ano

Juíza Kismara Brustolin durante audiência virtual
Juíza Kismara Brustolin durante audiência virtual (Foto: Reprodução)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - Em novo posicionamento, na noite desta terça-feira (28), o Tribunal Regional do Trabalho em Santa Catarina (TRT-12) informou que suspendeu a juíza Kismara Brustolin de novas audiências trabalhistas. As informações são do Metrópoles.

Em vídeo que viralizou nas redes, ela grita e humilha uma testemunha durante audiência ocorrida em Xanxerê no dia 13 de novembro deste ano. Brustolin chama o rapaz que estava sendo ouvido de “bocudo” e exige ser chamada de “excelência”.

continua após o anúncio

O homem em questão fica visivelmente constrangido e diz várias vezes que não está entendendo o motivo da chamada. 

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247