Sul

Lula cobra coesão e comunicação alinhada entre ministros e governo sobre tragédia no RS

Em reunião, presidente ressaltou a necessidade de abordagem abrangente para lidar com temas como recuperação de estradas, restauração dos sistemas de energia, saúde e educação

Imagem Thumbnail
Reunião ministerial do governo Lula sobre crise no RS (Foto: Ricardo Stuckert/PR)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - No início da noite desta segunda-feira (13), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva convocou uma reunião ministerial de emergência para discutir a grave situação enfrentada pelo Rio Grande do Sul devido à catástrofe climática que assolou o estado. Com a participação dos 38 ministros do governo, o encontro teve como objetivo principal alinhar as ações já realizadas e as futuras medidas a serem tomadas para auxiliar na reconstrução do estado.

O presidente destacou, de acordo com o jornal O Globo, a importância da coesão e da comunicação alinhada entre os membros do governo, ressaltando que ideias individuais devem ser discutidas internamente antes de serem anunciadas publicamente. Em suas palavras durante a reunião, Lula enfatizou: "Essa reunião é para a gente ter o conjunto do governo, ter todas as informações do que está acontecendo e cada ministro que for falar ou cada ministra, tentar falar sempre a mesma coisa que está acontecendo, não ficar dizendo coisas que não está acontecendo, ficar inventando coisas que ainda não se discutiu".

A pauta da reunião abordou as ações já em andamento e os próximos passos do governo para lidar com a crise no Rio Grande do Sul. Ministros como Fernando Haddad (Fazenda), José Mucio Monteiro (Defesa), Ricardo Lewandowski (Justiça), Paulo Pimenta (Secom) e Waldez Góes (Integração Nacional) apresentaram as iniciativas em curso e as que estão sendo planejadas para ajudar o estado.

Durante o encontro, ressaltou a necessidade de uma abordagem abrangente para lidar com os inúmeros desafios que o estado enfrenta, desde a recuperação de estradas até a restauração dos sistemas de energia, saúde e educação. Por meio das redes sociais, após a reunião, o presidente relatou que serão feitos "mais anúncios nos próximos dias para a reconstrução do estado, ao lado do governo estadual e dos municípios".

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

"Reunimos todos os ministros e as ministras do Governo Federal para falar das ações realizadas até agora para ajudar o Rio Grande do Sul neste momento de emergência climática. Teremos mais anúncios nos próximos dias para a reconstrução do estado, ao lado do governo estadual e dos municípios", escreveu Lula.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Relacionados

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO