Ódio e ciúmes estão na origem de cassação de título de Lula, afirma Gleisi

"Rancor, ódio, sobretudo ciúmes levam a decisões como esta. Que uma candidata da direita peça, ainda vá lá, mas que um juiz dê algo assim, além de agredir a autonomia universitária é tomar partido político", afirmou a presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann. Justiça anulou o título de doutor honoris causa a Lula concedido pela Universidade Estadual de Alagoas

Alessandro Dantas | PT no Senado
Alessandro Dantas | PT no Senado (Foto: Alessandro Dantas | PT no Senado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A presidente nacional do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann (PR), apontou parcialidade do juiz Carlos Bruno de Oliveira Ramos, da 4ª Vara Cível de Arapiraca (AL), após a magistrado determinar a anulação do ato da Universidade Estadual de Alagoas, que outorgou, em 2017, o título de doutor honoris causa ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A decisão atendeu a um pedido da candidata do PSDB à Câmara de Maceió Maria Tavares Ferro.

"Rancor, ódio, sobretudo ciúmes levam a decisões como esta. Que uma candidata da direita peça, ainda vá lá, mas que um juiz dê algo assim, além de agredir a autonomia universitária é tomar partido político. Deve ter muita dor de cotovelo por não ser homenageado", escreveu Gleisi no Twitter.

Também pelo Twitter, o deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP) afirmou que pretende "sair do profundo anonimato", ao anular o título de doutor honoris causa a Lula. 


 

 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247