Pimenta quer denunciar Bolsonaro no Tribunal Penal Internacional

"O Brasil precisa ter a soberania sobre seu território - que inclui 60% de toda a Amazônia - respeitada e não abrimos mão disso! Mas devemos avaliar a viabilidade de apresentar formalmente ao Tribunal Penal Internacional uma denúncia contra Bolsonaro por crime contra a humanidade", afirmou o líder do PT na Câmara dos Deputados, Paulo Pimenta (RS)

(Foto: Agência Câmara)

247 - O líder do PT na Câmara dos Deputados, Paulo Pimenta (RS), alertou para a gravidade do desmatamento na Amazônia, que tem deixado o mundo perplexo. 

"O Brasil precisa ter a soberania sobre seu território - que inclui 60% de toda a Amazônia - RESPEITADA e não abrimos mão disso! Mas devemos avaliar a viabilidade de apresentar formalmente ao Tribunal Penal Internacional uma denúncia contra Bolsonaro por crime contra a humanidade", escreveu o parlamentar no Twitter.

De acordo com o Sistema de Detecção de Desmatamento em Tempo Real (Deter), em junho deste ano foram destruídos 920,2 km² de floresta na Amazônia, um aumento de 88% em comparação com o mesmo mês do ano passado. De abril a junho, houve o desmatamento de 1.907,1 km². Em 2018, foram registrados 1.528,2 km² no mesmo período, ou seja, houve um crescimento de 24,8%.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247