Porto Alegre voltará a fechar comércio, shopping, restaurante e indústria

Fica determinado que comércios, shoppings e indústrias são obrigados a interromper novamente as atividades. Já restaurantes, bares e padarias só poderão funcionar via sistema de delivery ou drive-thru

(Foto: Amanda Perobelli - Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A cidade de Porto Alegre anunciou hoje, por meio de decreto no Diário Oficial, que vai suspender a flexibilização de vários setores da região ainda nesta semana por conta da pandemia de coronavírus. A reportagem é do portal UOL. 

Assinado pelo prefeito Nelson Marchezan (PSDB), o texto é semelhante ao que foi adotado no local no fim de março, onde o estado de calamidade foi decretado e só serviços essenciais funcionaram.

Segundo a reportagem, com as medidas, fica determinado que comércios, shoppings e indústrias são obrigados a interromper novamente as atividades. Já restaurantes, bares e padarias só poderão funcionar via sistema de delivery ou drive-thru.

O ramo da construção civil também será afetado. "Ficam autorizadas as atividades de construção civil exclusivamente para atender a serviços de saúde, segurança, educação e assistência social", informa também o texto, que solicita uma série de medidas para o funcionamento deste tipo de atividade, como medição da temperatura corporal, uso de máscaras e presença de frascos de álcool gel.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247