Projeto de Gleisi abre processos que vazarem antes para imprensa

Para dar fim à seletividade de vazamentos para a imprensa, a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) apresentou nesta semana seu projeto (PLS 123/2016) que retira o segredo de justiça de processos sigilosos que forem divulgados indevidamente; na justificativa de sua proposta, Gleisi lembra que muitos processos e delações têm sido publicados parcialmente nos meios de comunicação; ela afirma que esse tipo de divulgação, indevida, parcial e que desrespeita a Constituição, pode trazer prejuízos irreparáveis às pessoas

Plenário do Senado Federal durante sessão não deliberativa. 

Em pronunciamento, senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR). 

Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
Plenário do Senado Federal durante sessão não deliberativa. Em pronunciamento, senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR). Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado (Foto: Leonardo Attuch)

Paraná 247 – Para dar fim à seletividade de vazamentos para a imprensa, a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) apresentou nesta semana seu projeto (PLS 123/2016) que retira o segredo de justiça de processos sigilosos que forem divulgados indevidamente. O texto já está na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, onde tramitará em caráter terminativo.

Na justificativa de sua proposta, Gleisi lembra que muitos processos e delações têm sido publicados parcialmente nos meios de comunicação. Ela afirma que esse tipo de divulgação, indevida, parcial e que desrespeita a Constituição, pode trazer prejuízos irreparáveis às pessoas.

De acordo com Gleisi, após o vazamento seletivo do conteúdo do processo, não há mais razão de haver sigilo. "Pior ainda no caso de terceiros, que não possuem, em hipótese alguma, acesso aos autos, e assim devem conviver com a perpetuação do sigilo e das consequências que isto pode lhes causar", afirma.

Gleisi acredita que o projeto também impõe um tratamento mais cauteloso das ações por parte da polícia, do Ministério Público e do Poder Judiciário. "[Eles] certamente agirão de forma mais responsável no tratamento das peças dos processos para evitar os vazamentos".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247