Requião: “cuidemos do patrimônio mineral e dos direitos sociais do povo”

Crítico ferrenho do governo de Michel Temer, o senador Roberto Requião (PMDB-PR) voltou a se manifestar contra a política econômica entreguista da atual gestão; de acordo com o parlamentar, é "claro que o sistema político se corrompeu. Cuidemos nós da Nação, do patrimônio mineral, da nossa terra e dos direitos sociais do povo"; "Desgraçada é a sorte de quem não luta, porque não tem coragem, que se deixa esmagar porque não possui alma livre e aceita perder direitos", disse ele no Twitter

senador Roberto Requião (PMDB-PR)
senador Roberto Requião (PMDB-PR) (Foto: Leonardo Lucena)

Paraná 247 - Crítico ferrenho do governo de Michel Temer, o senador Roberto Requião (PMDB-PR) voltou a se manifestar contra a política econômica entreguista da atual gestão.

De acordo com o parlamentar, é "claro que o sistema político se corrompeu, cuidemos nós da Nação, do patrimônio mineral, da nossa terra e dos direitos sociais do povo".

"Desgraçada é a sorte de quem não luta, porque não tem coragem,que se deixa esmagar porque não possui alma livre e aceita perder direitos", disse ele no Twitter.

Temer foi o primeiro presidente denunciado por corrupção na história do País e deve ser alvo de novas denúncias, pois, além de corrupção, o peemedebista foi acusado de obstrução judicial e organização criminosa pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, no mês de maio, quando veio à tona o conteúdo de delação da JBS.

Segundo pesquisa Datafolha, divulgada no último final de semana de junho, Temer tem apenas 7% de aprovação, a menor popularidade em 28 anos. 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247