Tá nos trends

Em pé de guerra, Eduardo Bolsonaro ataca Weintraub e comanda ofensiva contra olavistas

Em outro flanco da batalha contra olavistas, Fábio Faria processou ex-chanceler Ernesto Araújo, que reagiu: "sanha em perseguir conservadores"

www.brasil247.com - Eduardo Bolsonaro e Abraham Weintraub
Eduardo Bolsonaro e Abraham Weintraub (Foto: Paulo Sérgio/Câmara dos Deputados | Geraldo Magela/Agência Senado)


Portal Fórum - Com o pai, Jair Bolsonaro (PL), se esquivando de um embate direto com seu ex “super” ministro Sergio Moro (Podemos), Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) atacou em outro flanco o também ex-ministro Abraham Weintraub, que comanda um motim de doutrinados de Olavo de Carvalho durante a caravana para tentar viabilizar sua candidatura ao governo de São Paulo.

Weintraub, que ficou ressentido com a escolha de Tarcísio Gomes de Freitas para a disputa no Estado, tem feito coro ao ex-chanceler, Ernesto Araújo, nas críticas da aliança com o Centrão, que deixaram Bolsonaro extremamente irritado.

Nesta quinta-feira (21), o ex-ministro da Educação compartilhou um tuite curtido pelo Secretário de Cultura, Mário Frias, que dizia que ele seria “preso em breve” para ficar “com a imagem de herói e vítima”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Não entendi, Abraham e Arthur, por que estão chateados com uma curtida? Quantas vezes vocês deram aquela curtida marota em inúmeros perfis que chamam o presidente de frouxo, covarde e vendido para o sistema? Não gostaram da brincadeira de oposição sonsa?”, reagiu o ex-ator de Malhação em uma sequência de tuites criticando as indiretinhas cínicas e meias palavras dos irmãos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Leia a íntegra da matéria no portal Forum

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email