Tá nos trends

Racismo e assédio: funcionária do Walmart se demite pelo alto-falante fazendo denúncias (vídeo)

"Essa empresa trata os funcionários como merda", disse a trabalhadora ao expor o Walmart através do alto-falante da loja

Shana Quiapo
Shana Quiapo (Foto: Reprodução/TikTok)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Revista Fórum - Uma funcionária do Walmart, rede de supermercados estadunidense, resolveu se demitir de seu emprego de uma maneira inusitada: ela utilizou o alto-falante da loja para anunciar sua saída da empresa e ainda denunciou, para todos ouvirem, casos de racismo e assédio que teria sofrido.

O caso aconteceu em uma unidade do Walmart no Texas (EUA). A agora ex-funcionária se chama Shana Quiapo, e ela postou o vídeo no TikTok no último final de semana em que pede demissão pelo alto-falante da loja e a postagem viralizou: foram mais 3.7 milhões de visualizações em apenas 24 horas, e o vídeo segue se espalhando por outras plataformas, como YouTube, Instagram e Twitter.

“Aqui está o meu vídeo largando o meu emprego tóxico, racista e sexista”, escreveu Shana na legenda do vídeo. Nas imagens, a mulher aparece anunciando sua demissão e denunciando comportamentos “pervertidos” de outros funcionários, além de práticas racistas de superiores.


Leia mais na Fórum.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247