Tá nos trends

Romagaga perde conta no Instagram com 1,6 milhão de seguidores e publica vídeo chorando: "estou em depressão"

A influenciadora não revelou os motivos pelos quais sua conta foi suspensa. Porta-voz do Facebook, empresa proprietária do Instagram, disse que Romagaga 'violou nossas regras repetidas vezes'

Romagaga
Romagaga (Foto: Reprodução/Instagram)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A influenciadora Romagaga, conhecida por publicar conteúdos humorísticos na internet, publicou vídeo nesta sexta-feira (12) chorando por ter tido sua conta no Instagram com 1,6 milhão de seguidores desativada. 

No vídeo publicado em uma nova conta, que já reuniu 230 mil seguidores em dois dias, Romagaga pede ajuda de celebridades e doações de fãs. Ela afirmou que o episódio desencadeou uma crise de depressão. A famosa ainda lamentou não poder ajudar financeiramente a mãe, já que a publicidade online era sua única fonte de renda. 

A mãe, segundo a própria influenciadora, é seu "combustível" para não "fazer uma besteira". "Só sinto vontade de chorar. A perda do Instagram só foi o estopim para eu entrar numa depressão. Há muito tempo eu vinha sofrendo calada. Aquela Romagaga feliz de antigamente, que fazia as pessoas rirem, morreu há muito tempo. Tenho medo de não sair dessa. Quem me acompanhou sabe que antigamente eu era feliz, não tinha tempo ruim, enfrentava tudo... mas hoje me encontro fragilizada, perdi minha alegria, eu já tirei tantas pessoas da depressão com meus vídeos engraçados e hoje sou eu quem estou em depressão".

Romagaga contou que perdeu sua conta já em dezembro, mas que somente agora decidiu se pronunciar. Ela não revelou os motivos apontados para a suspensão da conta e disse que acionou advogados para tentar reverter a situação.

O porta-voz do Facebook, empresa detentora do Instagram, disse ao UOL que a influenciadora 'violou nossas regras repetidas vezes'.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email