CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
América Latina

Cultura em choque: Milei demite 120 funcionários da Biblioteca Nacional da Argentina

Representantes da pasta estão “perplexos” e um comunicado da Biblioteca Nacional alerta que "não sobraram trabalhadores" na instituição

Javier Milei. Foto: Reuters / Agustin Marcarian
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - A cultura  na Argentina sofreu uma intensa baixa com a demissão de 120 funcionários da Biblioteca Nacional Mariano Moreno (BNMM). De acordo com informações do jornal O Globo, representantes da pasta estão “perplexos” e um comunicado da Biblioteca Nacional alerta que "não sobraram trabalhadores" na instituição. 

De acordo com a reportagem, os  funcionários do local foram informados por email que não teriam seus contratos renovados a partir do dia 1º de abril. Mais de 900 funcionários trabalhavam na instituição, que conta com três sedes, uma Escola Nacional de Bibliotecários e centros especializados em diversas áreas temáticas.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Durante um discurso no Fórum Econômico Internacional das Américas (IEFA) no dia 26 de março, Milei comunicou sobre seu planejamento para despedir 70 mil funcionários públicos nos próximos meses.

Além dos cortes de empregos, Milei se vangloriou de ter congelado obras públicas, cortado parte do financiamento aos governos provinciais e encerrado mais de 200 mil planos de bem-estar social, o qual ele classificou como "corruptos", relata a Bloomberg.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247,apoie por Pix,inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Relacionados

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO