Atacada por Bolsonaro e seus seguidores, China doará dinheiro ao Amazonas

“Será um gesto de amizade e solidariedade. Será juntado a todos os esforços para ajudar o Amazonas”, acrescentou o porta-voz da embaixada chinesa, Qu Yuhui

Brasil e China; bandeiras
Brasil e China; bandeiras (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A China se prepara para enviar uma doação de dinheiro ao Estado do Amazonas, para o governo estadual enfrentar o colapso da saúde com a pandemia, principalmente em Manaus, que registra morte de pacientes por conta da falta de oxigênio. 

Segundo o porta-voz da embaixada chinesa no Brasil, ministro-conselheiro Qu Yuhui, a opção pela doação financeira se deu após avaliação de que seria uma ajuda mais viável. “O oxigênio é logisticamente muito complicado para China, que fica longe”, afirmou à CNN Brasil

“Será um gesto de amizade e solidariedade. Será juntado a todos os esforços para ajudar o Amazonas”, acrescentou o porta-voz da embaixada chinesa. 

A ajuda do governo e das empresas da China foi discutida numa reunião nesta sexta-feira (15) entre representantes da embaixada e parlamentares do Amazonas, como o deputado federal Marcelo Ramos (PL-AM).

Principal parceira comercial do Brasil, a China é atacada frequentemente pelo governo de Jair Bolsonaro e seus seguidores. Além da China, outro governo "inimigo" do bolsonarismo, a Venezuela, edicidu enviar oxigênio e médicos para ajudar a capital amazonense

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email