HOME > Brasil

Bolsonaristas temem que esposa de Mauro Cid 'exploda' e leve o militar a delatar Bolsonaro na prisão

Bolsonaristas têm medo de que Gabriela Ribeiro Cid pressione o marido a revelar o que sabe sobre o esquema fraudulento de cartões de vacinação envolvendo Bolsonaro e seu entorno

Jair Bolsonaro e Mauro Cid (Foto: Alan Santos/PR/Divulgação)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - Aliados de Jair Bolsonaro (PL) temem que Gabriela Ribeiro Cid, esposa do tenente-coronel do Exército Mauro Cid, ex-ajudante de ordens do ex-mandatário, possa “explodir a qualquer momento” e pressionar o militar a revelar tudo o que sabe sobre as fraudes nos cartões de vacinação de Bolsonaro e seu entorno. Cid foi preso preventivamente no âmbito da Operação Venire, deflagrada na quarta-feira (3) pela Polícia Federal (PF), que teve o ex-ocupante do Palácio do Planalto como um dos alvos centrais. 

Segundo a coluna do jornalista Lauro Jardim, de O Globo, Gabriela é vista como um “barril de pólvora” e uma “pessoa de temperamento forte”. Ela viajou ao menos três vezes para os Estados Unidos usando um cartão de vacinação adulterado por Cid.

>>> Defesa de Bolsonaro quer que Mauro Cid assuma sozinho culpa por fraude em cartão de vacina

Além do temor sobre uma possível reação de Gabriela que implique ainda mais o ex-mandatário no esquema investigado pela PF, aliados e interlocutores de Bolsonaro também mostram receio que Cid possa vir a delatar o ex-presidente.

Além disso, o estado de saúde física e psicológica de Anderson Torres, ex-ministro da Justiça do governo Bolsonaro, também tem causado preocupação entre os bolsonaristas em função do risco que ele possa fechar um acordo de delação premiada acerca da intentona golpista do dia 8 de janeiro. 

Torres está preso desde o dia 14 de janeiro, acusado de omissão durante os atos terroristas do dia 8 daquele mês, quando apoiadores de Jair Bolsonaro ocuparam temporariamente as sedes dos Três Poderes, em uma tentativa de tomar o poder do presidente Lula.

>>> Preso em batalhão da PM, Torres toma oito remédios por dia para controlar crises de ansiedade

As investigações citam ainda a 'minuta do golpe' encontrada pela Polícia Federal na casa de Torres. O documento previa um 'estado de defesa' na sede do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para derrubar o resultado das eleições livres e justas que deram vitória ao presidente Lula.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: