Bolsonaro descarta Renato Feder e avalia ex-assessor de Weintraub para o MEC

Segundo o Antagonista, Bolsonaro passou a analisar o nome de um ex-assessor do ex-ministro, o advogado Sergio Henrique Cabral Sant’Ana

(Foto: Reprodução | ABr)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Jair Bolsonaro teria descartado o nome do empresário Renato Feder, secretário de Educação do Paraná, como substituto de Abraham Weintraub no Ministério da Educação. 

Segundo o site O Antagonista, Bolsonaro passou a analisar o nome de um ex-assessor do ex-ministro. "Trata-se do advogado Sergio Henrique Cabral Sant’Ana, que integrava o escritório Covac Sociedade de Advogados, responsável pela defesa de vários grupos de ensino, inclusive a Anhanguera Educacional", diz o veículo de direita. 

Feder se encontrou nesta terça-feira, 23, com Jair Bolsonaro. Ele disse que apresentou a Bolsonaro um de seus principais planos para o MEC, que seria criar uma estrutura na pasta para ampliar o acesso de alunos ao ensino à distância.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247