Bolsonaro volta a insultar Greta e diz que ela fala "qualquer besteira"

Bolsonaro disparou novos ataques nesta quarta contra a ativista ambiental Greta Thunberg, de 16 anos, chamando-a novamente de "pirralha" e dizendo que a jovem "fala qualquer besteira". Declaração de Bolsonaro foi feita horas antes de Greta ser anunciada personalidade do ano pela revista "Time"

(Foto: Alan Santos/PR | REUTERS/Susana Vera)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 -  Jair Bolsonaro disparou novas ofensas contra a ativista ambiental Greta Thunberg, de 16 anos. Ele voltou a repetir o que disse na última terça-feira e chamou a jovem de "pirralha", em coletiva de imprensa que concedeu no Palácio do Planalto nesta quarta-feira (11). Ele também acrescentou que a "garota fala qualquer bobagem". O que o ocupante do Planalto não previa é que horas depois Greta seria indicada personalidade do ano pela "Time", uma das mais conhecidas revistas de notícias semanais do mundo.

"Uma pirralha de 16 anos fala qualquer besteira lá fora, qualquer besteira, falou pronto, para dar porrada no Brasil o pessoal da destaque. Ela, inclusive acusou agora que os índios morreram porque estavam defendendo a Amazônia. Ninguém sabe a causa ainda — disse Bolsonaro", como relatou reportagem do portal O Globo. 

Relembrem o caso: 

Ontem, Bolsonaro disparou ataques contra a ativista Greta Thunberg, chamando a jovem de apenas 16 anos de "pirralha", por conta de Thunberg denunciar ao mundo a morte de dois índios da etnia Guajajara em um atentado no sábado (7) na BR-226. 

Thunberg respondeu com ironia, mudando sua biografia no Twitter para "pirralha".

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247