Brasil é o primeiro país a reconhecer presidente autoproclamada da Bolívia

O Brasil reconheceu a senadora Jeanine Áñez como presidente da Bolívia, pouco menos de uma hora após a parlamentar se autoproclamar presidente em uma sessão esvaziada do Parlamento boliviano. "Nosso entendimento é que todos os ritos estão sendo cumpridos. Portanto, ela assume legalmente", disse o chanceler Ernesto Araújo

247 - O Brasil reconheceu a senadora opositora Jeanine Áñez como presidente da Bolívia, pouco menos de uma hora após a parlamentar se autoproclamar presidente em uma sessão esvaziada do Parlamento boliviano. 

O ministro de Relações Exteriores, Ernesto Araújo, falou a repórteres ao chegar a um jantar com representantes do Brics, que se encontram nesta quarta e nesta quinta-feira em Brasília.

"Nossa percepção é que a Constituição boliviana está sendo seguida, interinamente claro, acho que é importante o compromisso de convocar eleições. Então nossa primeira percepção é que está sendo cumprido o rito constitucional boliviano, e queremos que isso contribua para pacificação, normalização no país", disse ele. 

Perguntado se o Brasil a reconhece como presidente,  ele respondeu: "É, por tudo que eu estou informado sim.  Nosso entendimento é  que todos os ritos estão sendo cumpridos. Portanto,  ela assume legalmente", disse ele. 

Ao vivo na TV 247 Youtube 247