CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Brasil

Derrite tem mais assessores policiais militares do que o contingente de 588 municípios paulistas

Os oficiais da equipe de assessores da SSP podem receber uma gratificação extra de cerca de R$ 7 mil no salário mensal

Guilherme Derrite (Foto: Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 – O número de assessores policiais militares à disposição do secretário Guilherme Derrite (PL), da Segurança Pública de São Paulo, supera o contingente da Polícia Militar empregado em 588 municípios paulistas, conforme relatado pela Folha de S. Paulo nesta terça-feira (2).

De acordo com o levantamento mais recente, o secretário teria supostamente contado com 241 assessores PMs em novembro de 2023. A quantidade de oficiais na função seria ainda superior ao ano anterior, que supostamente contou com 183 assessores à disposição de Derrite.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O serviço de assessoria policial militar geralmente é responsável pela proteção do secretário, familiares do agente público e da sede da pasta. Durante a gestão do governador Tarcísio de Freitas (Republicanos), PMs também foram nomeados para outras funções, como a postagem de imagens nas redes sociais.

Os oficiais da equipe de assessores da SSP podem receber uma gratificação extra de cerca de R$ 7 mil no salário mensal.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Relacionados

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO