Eduardo Bolsonaro tenta comparar manifestações antirracistas a atos antidemocráticos

Para o deputado federal, caso as manifestações em decorrência do assassinato de Beto Freitas fossem compostas pela direita, os atos seriam taxados como "antidemocráticos"

Eduardo Bolsonaro
Eduardo Bolsonaro (Foto: Najara Araújo/Câmara dos Deputados)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado federal Eduardo Bolsonaro tentou comparar neste sábado (21) pelo Twitter as manifestações antirracistas motivadas pelo assassinato de Beto Freitas no Carrefour a atos antidemocráticos, como os que ele já foi acusado de financiar e que pediam até a volta do AI-5, arma mais fatal da ditadura militar contra os brasileiros.

"Se fosse a direita quebrando o Carrefour seria manifestação ou ato antidemocrático? A benevolência do sistema com a esquerda é proposital", disse.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247