Grampo de Kajuru complica Bolsonaro e Flávio vai levá-lo ao conselho de ética

Flávio Bolsonaro alega que o senador Jorge Kajuru quebrou o decoro parlamentar ao divulgar uma conversa mantida com Jair Bolsonaro. No diálogo, Bolsonaro revela a intenção de usar a CPI da Pandemia para perseguir governadores, prefeitos e ministros do STF

Flávio Bolsonaro
Flávio Bolsonaro (Foto: Beto Barata - Agência Senado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ)irá ingressar com uma representação contra o senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO) junto ao Conselho de ética do Senado. Flávio deverá alegar que Kajuru precisa ser punido por quebra de decoro parlamentar, por ter tornado pública uma conversa mantida com Jair Bolsonaro.  A informação é da coluna da jornalista Bela Megale, de O Globo. 

No diálogo, divulgado pelo próprio Kajuru nas redes sociais, Bolsonaro incorre em crime de responsabilidade ao revelar a intenção de usar a CPI da Pandemia, cuja abertura pelo Senado foi determinada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso, para perseguir governadores, prefeitos e ministros do STF.  

Inscreva-se no canal de cortes da TV 247 e saiba mais:

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email