Milícia digital bolsonarista se mobiliza para derrubar perfil de campanha que liga Bolsonaro ao desmatamento

Mensagens com instruções sobre como derrubar o perfil da campanha “defundbolsonaro” estão circulando desde o domingo (5) em grupos bolsonaristas nas redes sociais. Na semana passada, Jair Bolsonaro comparou as ONGs ambientais a um “câncer”

Secom faz propaganda com frase de Bolsonaro contra obrigatoriedade da vacina
Secom faz propaganda com frase de Bolsonaro contra obrigatoriedade da vacina (Foto: REUTERS/Amanda Perobelli)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A milícia digital bolsonarista vem se mobilizando em grupos de WhatsApp para derrubar o perfil da campanha mundial “defundbolsonaro”, que associa o governo Jair Bolsonaro à destruição da Amazônia. Segundo reportagem do jornal O Globo, mensagens com instruções sobre como derrubar o perfil da campanha estão circulando desde o domingo (5) em grupos bolsonaristas nas redes sociais. Na semana passada, Bolsonaro comparou as ONGs que atuam em defesa do meio ambiente a um “câncer” e que “botava pra quebrar com esse pessoal”

A campanha “defundbolsonaro” – que reúne indígenas e ambientalistas para pressionar governos, empresas, investidores, além da sociedade civil e de ONGs como a Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib) e o Observatório do Clima – pede que o mundo ajude a parar de financiar a destruição da floresta. O vídeo da campanha contabiliza mais de 170 mil visualizações no Twitter e o perfil no Instagram já registra mais de 6 mil seguidores. 

Ainda conforme a reportagem, as mensagens em circulação nos grupos bolsonaristas contém orientações sobre como denunciar a conta da campanha sob o pretexto de divulgar informação falsa. O post, porém, não desmente a informação divulgada pela campanha. 

Segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), o desmatamento na Amazônia entre aumentou 33% entre os meses de agosto de 2019 e julho de 2020 em comparação com o mesmo período do exercício anterior. 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email