Moraes dá 5 dias para PGR se manifestar em ação contra fala golpista de Carla Zambelli

Pedido de manifestação ocorre dentro do Inquérito das Milícias Digitais

www.brasil247.com - Carla Zambelli e Alexandre de Moraes
Carla Zambelli e Alexandre de Moraes (Foto: Michel Jesus/Câmara dos Deputados | Carlos Moura/SCO/STF)


247 - O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes deu um prazo de cinco dias para que a Procuradoria-Geral da República (PGR)  se manifeste sobre o pedido de investigação solicitado por deputados do Psol contra a deputada bolsonarista Carla Zambelli (PL-SP) e o pastor Silas Malafaia em decorrência de falas de cunho golpista e antidemocráticas.

Segundo o Metrópoles, “o pedido de manifestação ocorre dentro do Inquérito das Milícias Digitais. A PGR deve avaliar se existem indícios mínimos para que uma investigação seja iniciada contra os dois”.

>>> Zambelli pede golpe de estado a generais em vídeo: 'não é hora de se dizerem apartidários' 

Na ação, os parlamentares do Psol “pedem a quebra dos sigilos telefônico e telemático de Zambelli e de Malafaia para averiguar eventual participação dos bolsonaristas ‘nos atos antidemocráticos e nos ataques sistematizados para propagação de discurso de ódio e de ruptura ao Estado de Direito e da Democracia’”.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: 

 

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247