Parlamentar bolsonarista pede impeachment de Moraes faltando 10 dias para as eleições

Senador Lasier Martins alegou que o ministro do STF cometeu crime de responsabilidade ao autorizar uma operação da PF contra empresários bolsonaristas

www.brasil247.com - Ministro Alexandre de Moraes
Ministro Alexandre de Moraes (Foto: Carlos Moura/SCO/STF)


247 - O senador Lasier Martins (Podemos-RS) protocolou um pedido de impeachment contra o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes na noite da quarta-feira (21). De acordo com o UOL, Lasier disse que o magistrado cometeu crime de responsabilidade ao praticar "uma série de arbitrariedades" ao autorizar uma operação da Polícia Federal contra empresários que discutiram um possível apoio a um eventual golpe de Estado, caso Jair Bolsonaro (PL) não seja reeleito, em um grupo de WhatsApp.

No pedido de impeachment, Lasier qualificou a decisão como um “ato explicitamente abusivo” e “incompatível com as liberdades constitucionais”. "Em várias das medidas e diligências determinadas pelo denunciado no âmbito dos inquéritos sob sua responsabilidade, foi possível observar o cometimento de condutas passíveis de enquadramento como abuso de autoridade", disse o senador, de acordo com a reportagem.

A operação foi autorizada por Moraes em agosto. Na ação, os agentes cumpriram mandados de busca e apreensão em endereços ligados a oito empresários que integravam o grupo. O ministro também determinou a quebra de sigilo e bloqueio de contas bancárias, além de ordenar que as redes sociais suspendessem os perfis dos investigados. No dia 15 de setembro, ele autorizou o desbloqueio das contas.  

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: 

 

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email