Produtores de soja negam que sejam financiadores de ato golpista defendido por Sérgio Reis

Em nota, a Aprosoja afirma que “sempre defendeu de forma peremptória o Estado Democrático de Direito e o equilíbrio entre os Poderes da República e continuará a ter a mesma postura republicana"

www.brasil247.com - Sérgio Reis
Sérgio Reis (Foto: Reprodução/Instagram)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - Os produtores de soja negaram, em nota, que estejam financiando os atos em favor de Jair Bolsonaro e de ataques às instituições programados para o dia Sete de Setembro, como divulgado pelo cantor bolsonarista Sérgio Reis

No documento, de acordo com a coluna da jornalista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, a Associação Brasileira dos Produtores de Soja (Aprosoja) afirma que “sempre defendeu de forma peremptória o Estado Democrático de Direito e o equilíbrio entre os Poderes da República e continuará a ter a mesma postura republicana”.

Nesta sexta-feira (20), Sérgio Reis e o deputado federal bolsonarista Otoni de Paula (PSC-RJ) foram alvos de mandados de busca e apreensão expedidos pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes no âmbito do inquérito que apura o financiamento e a realização de manifestações antidemocráticas, além de ataques às instituições e ministros da Corte.   

PUBLICIDADE

Inscreva-se no canal Cortes 247 e saiba mais: 

 

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email