Sérgio Camargo diz que Black Live Matters ataca policiais brancos e que é um "lixo esquerdopata"

Em mais um ataque ao movimento negro, o presidente da Fundação Palmares, Sérgio Camargo, criticou o movimento em defesa de vidas negros Black Live Matters, que surgiu nos EUA após um policial assassinar George Floyd. “BLM é lixo esquerdopata!”, disparou o secretário de Jair Bolsonaro

Sérgio Camargo e George Floyd sendo sufocado
Sérgio Camargo e George Floyd sendo sufocado (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Em mais um ataque ao movimento negro, o presidente da Fundação Palmares, Sérgio Camargo, criticou em suas redes sociais nesta terça-feira (21) o movimento em defesa de vidas negros Black Live Matters, que surgiu nos EUA após um policial assassinar George Floyd. 

"Saldo do Black Lives Matter: piora do racismo nos EUA, saques, vandalismo e mortes; o legado de Martin Luther King aviltado por pretos tão raivosos quanto ignorantes. O BLM é lixo esquerdopata!", atacou. 

O secretário de Bolsonaro seguiu com suas críticas: "Em tempo: faltou mencionar as covardes agressões de membros do Black Lives Matter contra brancos e pretos que se opõem; ocorrem em número assustador nos EUA.  É um dos movimentos mais violentos e hipócritas já criados pela revolução cultural da esquerda. O racismo agradece".

Camargo, que já teve sua nomeação ao cargo suspensa pela justiça, considera que movimento negro é “vitimismo nutella” e também que a "escravidão foi benéfica para os descendentes". Ele também já atacou o líder do movimento de resistência contra a escravidão, Zumbi dos Palmares, que dá nome a instituição a qual preside.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247