CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
China

Novo primeiro-ministro de Salomão diz que estabelecer relações com a China é a decisão mais crucial desde a independência

O primeiro-ministro das Ilhas Salomão, Jeremiah Manele, concedeu uma entrevista exclusiva ao Grupo de Mídia da China (CMG, na sigla em inglês) ontem (10) na capital do país

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

CMG – O primeiro-ministro das Ilhas Salomão, Jeremiah Manele, concedeu uma entrevista exclusiva ao Grupo de Mídia da China (CMG, na sigla em inglês) ontem (10) na capital do país.

Manele afirmou que as Ilhas Salomão estão no lado certo da história ao estabelecer relações diplomáticas com a China em 2019, que se trata de uma das decisões mais importante que o país tomou em seus 45 anos de independência. Ele disse que, desde o estabelecimento das relações diplomáticas, o relacionamento entre os dois países tem se desenvolvido rapidamente. Lembrando que ele foi para a China três vezes como ministro das Relações Exteriores e teve a honra de conhecer o presidente do país asiático, Xi Jinping, e outros líderes. Ele expressou sua esperança de que o relacionamento entre as duas nações continue a crescer e se torne um modelo de cooperação Sul-Sul para o benefício do povo de ambos os países.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Ilhas Salomão

As Ilhas Salomão estão localizadas no Oceano Pacífico Sul e situadas na extensão sul da Rota da Seda e da Rota da Seda Marítima do Século XXI. Em 2019, as Ilhas Salomão e a China assinaram um memorando de entendimento para construir conjuntamente a Iniciativa Cinturão e Rota. Manele disse acreditar que a assinatura do memorando de entendimento com a China ajudará a fortalecer a infraestrutura a fim de atender melhor ao seu povo. Espera-se que os dois países fortaleçam ainda mais a cooperação sob a Iniciativa Cinturão e Rota para benefício mútuo.

Tradução: Wang Siqi

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Revisão: Gabriela Nascimento

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO