Atacado nas redes, Mário Frias ameaça deputado do PSOL: “Cuidado com a PF”

O secretário de Cultura do governo Jair Bolsonaro, Mário Frias, ameaçou o deputado estadual Flávio Serafini (PSOL-RJ), que ironizou as críticas do ator ao humorista Marcelo Adnet. "Cuidado com a PF", respondeu Frias

Mário Frias e o deputado estadual Flávio Serafini (PSOL-RJ)
Mário Frias e o deputado estadual Flávio Serafini (PSOL-RJ) (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O secretário de Cultura do governo Jair Bolsonaro, Mário Frias, ameaçou o deputado estadual Flávio Serafini (PSOL-RJ), que ironizou as críticas do ator ao humorista Marcelo Adnet. O comediante imitou o secretário de Cultura em um esquete irônico. "Cuidado com a PF", respondeu o secretário de Bolsonaro, antes de bloquear o parlamentar no Twitter.

O deputado do PSOL reagiu. "Um subministro de Bolsonaro me ameaçou com a Polícia Federal. É muito grave diante das investigações de interferência na PF e a acusação de perseguição à opositores. O Flavio que tem medo de investigação tem sobrenome Bolsonaro. Vamos tomar as medidas cabíveis", disse. 

A Secom publicou tuítes neste sábado (5) com ataques ao humorista Marcelo Adnet em razão de uma paródia publicada na sexta-feira a um vídeo do secretário especial de Cultura, Mário Frias. "Infelizmente, há quem prefira parodiar o bem e fazer pouco dos brasileiros", afirmou a pasta. 

O ator Mário Frias chamou Adnet de "garoto frouxo e sem futuro", "crápula" e "Judas".

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email