Militares e Wajngarten vão tutelar Regina Duarte e sugerir nomes para a Cultura

Pessoas ligadas a Jair Bolsonaro, como o ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, o chefe da Secom, Fabio Wajngarten, e ministro da Casa Civil, Braga Neto, estão sugerindo nomes para integrarem a Secretaria da Cultura

Fabio Wajngarten; Jair Bolsonaro e Regina Duarte
Fabio Wajngarten; Jair Bolsonaro e Regina Duarte (Foto: Marcos Oliveira/Senado | Marcos Corrêa/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Pessoas ligadas a Jair Bolsonaro, como o ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, o chefe da Secom, Fabio Wajngarten, e ministro da Casa Civil, Braga Neto, estão sugerindo nomes para integrarem a Secretaria da Cultura, comandada pela atriz Regina Duarte, que toma posse nesta quarta-feira (4). De acordo com informações da coluna de Bela Megale, no O Globo, a preocupação de Wajngarten e militares é de que a atriz tenha “bons assessores” que saibam “tocar a máquina pública”.

Os aliados também têm orientado Regina Duarte sobre situações que ela deve ou não se pronunciar. 

A artista demitiu da pasta seis pessoas ligadas ao escritor Olavo de Carvalho, guru de Bolsonaro. 

Bolsonaristas já atacaram duramente a artista por causa das demissões, inclusive sofreu ataque de Olavo, que chegou a cobrar a demissão dela. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247