Governo da Índia quer comprar divisão comercial da Embraer

O governo indiano pode adquirir a divisão de aeronaves comerciais da Embraer. Para fechar o acordo, a Índia mira reservas internacionais do próprio país

Embraer
Embraer (Foto: NACHO DOCE - REUTERS)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O governo da Índia pode adquirir a divisão de aeronaves comerciais da Embraer, após o do acordo entre a empresa brasileira e a norte-americana Boeing. A Índia pretende se aliar a algum fundo soberano, com uma base financeira formada por reservas internacionais do próprio país.

O relato foi publicado em reportagem do jornal Business Standard India, publicada no final de setembro.

Ao site Aeroin, a Embraer negou haver negociação com o governo indiano. "Não há planos de vender a unidade de aviação comercial ou de qualquer outra área de negócios. A companhia está aberta para discutir apenas parcerias de crescimento voltadas a projetos específicos ou inserção em mercados", diz a nota oficial.

Em abril, a empresa brasileira emitiu uma nota afirmando que a Boeing "rescindiu indevidamente" o Acordo Global da Operação (MTA) e "fabricou falsas alegações como pretexto para tentar evitar seus compromissos de fechar a transação e pagar à Embraer o preço de compra de U$ 4,2 bilhões".

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247