CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Entrevistas

“Fazer Justiça é ver o Judiciário impor limites a quem cometeu crimes usando a Justiça”, diz Pedro Serrano

Jurista Pedro Serrano analisa acusações contra Moro e destaca importância da cassação do senador

Sergio Moro | Pedro Serrano (Foto: Jonas Pereira/Agência Senado | Felipe L. Gonçalves/Brasil247)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - O jurista Pedro Serrano, em entrevista ao programa Boa Noite 247, abordou as recentes ações que buscam a cassação do mandato do senador Sérgio Moro (União Brasil-PR). Segundo Serrano, na correição feita pelo CNJ na 13ª Vara Federal de Curitiba há acusações gravíssimas que giram em torno de bilhões de reais. Tem irregularidades de tudo quanto é jeito que brotam ali."

Ele também enfatizou que "Fazer Justiça não é cassar ou não cassar o Moro. Fazer Justiça é ver o Judiciário impor limites a quem cometeu crimes usando a Justiça. É isso o que temos de esperar do TRE, do TSE e do CNJ no caso de Moro."

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Por fim, Serrano ressaltou que Moro não escapará das investigações, destacando que o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Luís Roberto Barroso, está preparando uma reunião do CNJ para examinar os desmandos e ilícitos cometidos na vara da Lava Jato em Curitiba, que era comandada por Moro.

Assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247,apoie por Pix,inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Relacionados

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO