Em novo vídeo, Piquet repete racismo contra Lewis Hamilton e dispara homofobia: “neguinho devia estar dando o c*”

Em novo trecho de vídeo, Piquet repetiu termo racista “neguinho” para se referir a Lewis Hamilton e também disparou ataque homofóbico ao britânico

www.brasil247.com - Nelson Piquet e Lewis Hamilton
Nelson Piquet e Lewis Hamilton (Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil | Reuters)


247 - Em novo trecho de vídeo divulgado pelo site Grande Prêmio na noite desta quinta-feira (30), Nelson Piquet repetiu termo racista “neguinho” para se referir a Lewis Hamilton e também disparou ataque homofóbico ao britânico, ao avaliar o acidente entre Hamilton e Max Verstappen no GP da Inglaterra de 2021. Verstappen é namorado de sua filha, Kelly.

O ex-piloto tricampeão foi questionado sobre o que achava do campeão Keke Rosberg, campeão na temporada de 1982 e ele chamou o piloto de “um bosta”. Na sequência, comparou com a situação do filho dele, Nico Rosberg, campeão mundial de 2016.

>>> Bolsonaristas saem em defesa de seu ídolo Nelson Piquet e tentam justificar racismo com o nome do "Neguinho da Beija-Flor "

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 “O Keke? Era um bosta, não tinha valor nenhum. É que nem o filho dele [Nico]. Ganhou um campeonato… O neguinho devia estar dando mais c* naquela época, aí tava meio ruim”, afirmou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Piquet pode ser banido da F1

A Fórmula 1 estuda proibir para sempre o ex-piloto brasileiro Nelson Piquet de acessar o paddock das provas da categoria, informa o jornalista Andrew Benson, redator-chefe da Fórmula 1 no jornal britânico BBC.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

>>> Lewis Hamilton humilha Nelson Piquet com elegância

A decisão seria uma retaliação pelo uso do termo racista "neguinho" por parte do brasileiro para se referir ao piloto britânico Lewis Hamilton.


Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email