"Não entendo porque estão me atacando assim", afirma Robinho, condenado por estupro

O jogador foi condenado pela Justiça italiana por violência sexual e contou à Fox Sports que recebeu o apoio de Neymar: "Me deu apoio, se disponibilizou a me ajudar com as pessoas que ajudaram na inocência dele"

(Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Em entrevista à Fox Sports, Robinho, jogador condenado pela Justiça da Itália por violência sexual, reafirmou sua inocência, voltou a se comparar a Jair Bolsonaro e contou que recebeu o apoio de Neymar.

O atleta disse que teve relações com a mulher que o acusa de forma consensual e fez críticas à imprensa. "A imprensa colocou coisas deturpadas a meu respeito. Só que ninguém colocou que a menina pediu, no processo, R$ 3 milhões. Isso ninguém colocou. É muito difícil ela estar embriagada para não ter o ato, mas lembrar de todo mundo. Então, está meio fora de contexto essas histórias. Eu jamais dei um copo de bebida para essa garota, deixei de respeitar ou fiz alguma coisa sem o consentimento dela. Isso vocês podem ter certeza". 

Ele ainda reclamou de estar sendo acusado sem provas. O site Globo Esporte, porém, obteve documentos da justiça italiana que registram uma conversa entre Robinho e o amigo, na qual o jogador conta ter colocado o pênis na boca da mulher desacordada.

Ele se comparou a Bolsonaro para dizer que está sendo perseguido - "as pessoas estão me julgando e me atacando igual fazem com o Bolsonaro. Eu não entendo porque estão me atacando assim" - e contou que conversou com Neymar: "me mandou mensagem. Não é um fato difícil de acontecer. Aconteceu com Neymar. Me deu apoio, se disponibilizou a me ajudar com as pessoas que ajudaram na inocência dele"

Robinho falou também que partiu dele a iniciativa de suspender seu contrato com o Santos.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247